Os Três Humores Biológicos

“Ayurveda é o conhecimento que indica o apropriado e o inapropriado, as condições de bem-estar ou de sofrimento, o que é gracioso ou desgracioso para a longevidade, assim como a medição da vida enquanto si mesma.”

Charaka Samhita I. 41



De acordo com o Ayurveda, há três forças de vida primárias, três humores biológicos; eles determinam os processos da vida, o crescimento ou o declínio. São eles os conhecidos Doshas: Vata, Pitta e Kapha. Correspondem, respectivamente, aos elementos primários Ar, Fogo e Água. Mas, lembre-se, são todos compostos por dois elementos: Vata é Ar e Éter, Pitta é Fogo e Água, Kapha é Terra e Água.


Vata é traduzido como “aquilo que movimenta coisas”; é tal qual o Vento (Ar em movimento). Leve, seco, ágil; governa o âmbito mental, propicia a adaptabilidade da mente e dos sentidos, é o fornecedor das intuições/ “insights”.


Pitta é traduzido como “aquilo que digere coisas”; é tal como o Fogo. Quente, oleoso, penetrante; governa a digestão corporal e mental, realiza os processos transformativos em nosso corpo, é nossa capacidade de perceber e compreender a realidade tal como ela é (o Fogo/Luz que ilumina os olhos).


Kapha é traduzido como “aquilo que segura as coisas juntas”; é tal como a Água. Úmido/Oleoso, frio, pesado; é a parte material dos tecidos, provê substância/matéria, além de estabilidade, é o fornecedor de boas emoções, como amor, compaixão, paciência, perdão.


O Vata reside nos espaços vazios do corpo, nos diversos canais comunicantes que possuímos; os chamados Srotas. Quando os Srotas ficam obstruídos, tem-se disfunção e estagnação, impossibilitando o necessário e complexo trânsito que ocorre, a todo momento, em nosso corpo; cominando no adoecimento.


O Pitta existe principalmente em forma de ácido, o que se adequa à noção de Fogo com Água; são os ácidos digestivos, os hormônios, os processos e transformações metabólicas. Se supresso, tem-se cessação dos imprescindíveis processos transformativos do corpo; cominando no adoecimento.


O Kapha é a parte material e densa do corpo; os diversos tecidos que possuímos. É aquilo que dá sustância, vigor, resistência (incluindo a doenças). Quando, porém, desarmonioso pode ser causa de obstrução dos Srotas ou de supressão do Fogo transformativo; ou mesmo de acúmulo de matéria estranha e amorfa, isso é, toxinas (Amas); cominando no adoecimento.